|
Educadores
Cadastre-se para registrar os seus relatos de experiência com o uso de curtas-metragens em salas de aula e concorrer a prêmios para você e sua escola.
Filmes
Filtrar por

Entre o Som e o Silêncio


Plano de Aula do Filme Dois Mundos | Documentário | De Thereza Jessouroun | 2009 | 15 min | RJ


Quando pensamos numa pessoa surda, imaginamos que ela apenas sofre em virtude de sua deficiência. Não conseguimos pensar que há o outro lado da moeda, ou seja, o que nos revela estes seres humanos como aqueles que conseguem vivenciar a experiência máxima do silêncio. Barulhos do mundo cotidiano, tão regulares para nossa audição, das sirenes dos carros de polícia, passando pelo vento, pelas britadeiras ou pela música alta não existem para eles. Isso pode parecer sofrimento demais, mas ao assistirmos o curta Dois Mundos percebemos que os deficientes auditivos que usam aparelhos ou foram submetidos a cirurgia se surpreendem com os sons do mundo e, muitas vezes, demonstram algum apego pelo silêncio que só eles conhecem tão bem... Você já havia pensado nisso?




Objetivos
Nos colocar diante da situação da deficiência auditiva, nos sensibilizando quanto ao quadro dos surdos e, ao mesmo tempo, nos permitindo superar a ideia dos mesmos como pessoas incapazes por conta da deficiência que têm, como ainda pensam muitos.
Outro objetivo pertinente é perceber o silêncio e o som, o que representam ambos, que peculiaridades têm, se sabemos realmente ouvir o mundo ao nosso redor e se conseguimos vivenciar experiências de silêncio mais profundo.

Situação Didática
Proponha situações em que os estudantes vivam por alguns momentos a condição da surdez.
Passe algum filme sem som, peça a eles que dancem uma música imaginária, que tampem seus ouvidos ao andarem pelo pátio da escola ou na rua da frente.
Pergunte-lhes se atingiram a situação do silêncio total ou se ainda escutavam alguma coisa.
Peça ao grupo que produza textos e que, durante esta produção, estejam com algodão nos ouvidos a impedir-lhes o acesso aos sons.
Numa aula seguinte proponha que caminhem pela escola ou nas cercanias e que anotem num papel todos os sons que escutaram.
Coloque todos os sons na lousa para que confiram e vejam que há certos sons escutados por alguns e não percebidos pelos outros.
Passe então o filme e os coloque em contato com a realidade do deficiente auditivo.
Proponha pesquisas e entrevistas sobre o assunto.
Monte uma exposição e chame a comunidade!

Comentários
Muitas vezes não percebemos como é a vida daquele que está ao nosso lado e nem mesmo o mundo ao nosso redor porque não queremos e nem tentamos ampliar os nossos sentidos. Ouvir pode ser, como percebemos assistindo o curta, uma benção e ao mesmo tempo fonte de algumas dores de cabeça. No fundo, se ouvimos ou não por nossos ouvidos, o que percebemos mesmo é que temos que escutar mais por nossos corações, aumentando a nossa sensibilidade, estendendo a mão para o próximo, não segregando, aceitando as diferenças e estimulando a interação e a tolerância!

Pedagogo Autor do Plano de Aula
João Luíz de Almeida Machado