|
Educadores
Cadastre-se para registrar os seus relatos de experiência com o uso de curtas-metragens em salas de aula e concorrer a prêmios para você e sua escola.
Filmes
Filtrar por

O que um roteiro de um filme pode trazer para nosso aluno

Filme Utilizado Bichos Urbanos | Experimental | De João Mors, Karen Barros | 2002 | 20 min | RJ



Data da Experiência:19/09/2007

Disciplina(s): Biologia , Sociologia

Temas transversais: Educação Ambiental , Meio ambiente

Nível de ensino da turma*: Ensino Médio

Faixa etária da turma*: de 14 a 18 anos

Nº de alunos que assitiram esta sessão:43

Autor do relato:norma Iolanda Lindoso Viana
Objetivos do uso do filme
Despertar os alunos para o estudo da ecologia; proporcionar momentos de reflexão sobre a questão amazonida; viabilizar novos conheciemntos; aprender a conhecer o habitat que vivemos.

Sequência de atividades envolvendo o filme
Esse trabalho foi desenvolvido com os alunos do 2º Ano do Ensino Médio do Colégio Isaac Newton. 1.Apresentação do filme em DVD. 2.Divisão da turma em pequenos grupos para discutir o roteiro e o enredo em relação a realidade. 3.Reunião do grupo para socialização. 4.Passeios na transamazonica com produção de pequenas imagens para DVD e fotografia. 5.Socialização.6. Conclusão com exposição em um painel.

Comente os resultados da experiência
Discutimos que em nossa realidade, não somos os bichos urbanos, somos o lixo urbano, pois nossa riqueza nutre cidades e nos deixa cada vez mais pobres. Surgiram desenhos, pequenas representações, júri simulado, sendo S. Jorge condenado, pois este representa para nós as grandes potências que nos exploram. O olhar crítico dos nossos alunos em momento algum desprezou a problemática que vivem outros ecossistemas, pois a quebra da cadeia alimentar compromete a vida humana. Na seqüência do filme acompanhamos o transtorno que eles trazem na cidade grande. Na visita à cidade os alunos documentaram um local onde são lavadas peças de motores a diesel, o que compromete a vida de algumas espécies de peixes, pois a vegetação próxima é berçário natural de algumas espécies. Ao contrário do que todos pensam que nossas ruas estão cheias de jacarés, onças, cobras e araras, tudo não passa de equívoco, talvez porque aprendemos a conviver com nossos animais. Não é raro ver à tardinha, durante alguns meses de verão, o balé do boto em frente à nossa cidade de Itaituba no Rio Tapajós. O espetáculo nos deleita, pois o boto faz parte de nosso folclore e cultura. Além do mais, quem faz maldade aos animais pode transformar-se em meuãs...