|
Educadores
Cadastre-se para registrar os seus relatos de experiência com o uso de curtas-metragens em salas de aula e concorrer a prêmios para você e sua escola.
Filmes
Filtrar por

Cordel: um livro a ser criado

Filme Utilizado O Lobisomem e o Coronel | Animação | De Elvis K. Figueiredo, Ítalo Cajueiro | 2002 | 10 min | DF



Data da Experiência:02/08/2007

Disciplina(s): Língua Portuguesa

Nível de ensino da turma*: Ensino Fundamental II

Faixa etária da turma*: de 10 a 14 anos

Nº de alunos que assitiram esta sessão:36

Autor do relato:ANA PAULA GALKOWSKI

Instituição:PALMARES, ESC - ED INF E ENS FUND
| PR | CURITIBA
| Particular
Objetivos do uso do filme
O projeto teve início nas aulas de Língua Portuguesa e tinha como objetivo trabalhar com a cultura popular. Para dar continuidade ao trabalho reunimos Língua Portuguesa, Artes e Comunicação Visual na disciplina que recebe o nome de Projetos Interdisciplinares. Esse trabalho teve como objetivo final a produção de um cordel feito pelos alunos da 5ª série. O filme fez parte de uma das etapas do projeto e serviu para que os alunos começassem a se inserir dentro do mundo do cordel. Decidimos utilizá-lo como aporte para a construção de produções pelos alunos, pois assim como a animação o cordel também possui uma linguagem muito rica, explorando-a com as imagens, no caso a xilogravura.

Sequência de atividades envolvendo o filme
Para que conseguíssemos alcançar os objetivos e os alunos pudessem dar conta do trabalho era preciso ter bastante conhecimento sobre os diversos temas envolvidos no projeto. Pensando nisso é que planejamos uma seqüência didática que pudesse dar conta não somente da literatura de cordel, mas também da cultura popular, que também é muito rica. As atividades foram desenvolvidas da seguinte maneira: leitura e discussão de textos que fazem parte da cultura popular, dentre eles o livro Contos de Enganar a Morte de Ricardo Azevedo e os contos O Afilhado do Diabo e O Compadre da Morte de Câmara Cascudo, A Primeira Aventura de Alexandre de Graciliano Ramos e outros sobre Pedro Malazartes; leitura de muitos cordéis, alguns trazidos pelos próprios alunos, analisando a temática, a estrutura e os recursos textuais usados nos neles; assistimos a uma palestra do cordelista César Obeid; lemos o livro Minhas Rimas de Cordel de Cesár Obeid, o qual nos possibilitou estudar e analisar ditados e adivinhas populares; produção de várias quadras usando os ditados que tinham sido usados no livro, tendo como objetivos explicá-las em situações cotidianas; os alunos assistiram o curta O Lobisomem e o Coronel para que tivessem contato com mais uma forma de manifestação da literatura de cordel; discutimos o filme levando em consideração os aspectos visuais, pois muitos alunos participam de uma oficina de desenho animado, assim como o desenvolvimento do enredo, os personagens e a linguagem utilizada, tentando relacionar tudo o que já havíamos estudado nas aulas de Língua Portuguesa com o que foi visto na animação. Depois de todo esse estudo já era possível que os alunos elaborassem seus próprios cordéis e, sendo assim, todos se colocaram a produzir muitos versos e estrofes.

Comente os resultados da experiência
O projeto desenvolvido teve como resultado dezessete cordéis com diversos temas - Tecnologia, Um passeio à Vila Velha e Pedro Malasartes - os quais foram escolhidos pelos próprios alunos. O mais interessante e gratificante disso foi poder observar a maneira como os grupos interagiram e se envolveram durante todo o processo de produção, preocupando-se com a qualidade do trabalho, com as rimas, a métrica e a xilogravura. Os alunos gostaram muito de ter assistido a animação, a qual inicialmente provocou muitas risadas e depois suscitou uma questão muito importante: a variação lingüística. Após as risadas, o silêncio foi tomando conta da sala, pois era preciso prestar muita atenção para poder compreender o que estava sendo cantado. Muitos alunos gostaram tanto do filme que quiseram assisti-lo novament. Para que pudessem fazer isso foi lhes informado o endereço do site Curtas na Escola. Para finalizar esse projeto, que foi realizado durante quase todo o ano letivo, fizemos uma grande festa de lançamento, onde os alunos leram alguns trechos de seus textos e contaram para pais e familiares como havia sido todo o processo de produção. Para conhecer nosso trabalho visite o site: http://www.escolapalmares.com.br/escola/04%5Fnanico/2007/12.htm