|
Educadores
Cadastre-se para registrar os seus relatos de experiência com o uso de curtas-metragens em salas de aula e concorrer a prêmios para você e sua escola.
Filmes
Filtrar por

Onde está a Felicidade?

Filme Utilizado Hoje tem Felicidade | Ficção | De Lisiane Cohen | 2005 | 14 min | RS



Data da Experiência:13/09/2012

Disciplina(s): Filosofia

Nível de ensino da turma*: Ensino Fundamental II

Faixa etária da turma*: de 10 a 14 anos

Nº de alunos que assitiram esta sessão:72

Autor do relato:Soraya Lopes

Instituição:COLEGIO RUMO INICIAL S/C LTDA
| SP | SAO PAULO
| Particular
Objetivos do uso do filme
Promover uma sensibilização sobre o tema; Desenvolver a capacidade de interpretação, formulação de hipóteses, expressão e argumentação; Estimular o autoconhecimento, permitindo-se intervir na realidade para transformá-la; Propiciar uma reflexão ética acerca da liberdade de escolha; Conduzir a percepção, mediando o processo de aprendizagem por meio da interação do desenvolvimento cognitivo, social e afetivo.

Sequência de atividades envolvendo o filme
1. Sensibilização do tema por meio de questionamentos: Pra você, o que é Felicidade? Por que algumas pessoas encontram a Felicidade mais facilmente do que outras? O que precisamos fazer para encontrarmos a tão sonhada Felicidade? Você já encontrou a Felicidade? Quando? Hoje tem Felicidade? 2. Exibição do curta-metragem, após todos os alunos terem respondido aos questionamentos por escrito. 3. Roda de conversa sobre o entendimento/interpretação do filme, relacionando-o com o tema. 4. Construção coletiva da definição de "Felicidade". 5. Apresentação do videoclipe "É preciso saber viver" - música de Roberto Carlos e Erasmo Carlos - Banda Titãs. 6. Divisão da turma em pequenos grupos, para criarem uma ilustração em cartolina. 7. Exposição do Projeto no Mural do Colégio e postagem no Portfólio de cada turma, no site.

Comente os resultados da experiência
A experiência foi fascinante! Contagiou a todos... Comecei a aula dizendo aos alunos que iriam participar de um novo Projeto chamado "Hoje tem Felicidade". Entreguei uma folhinha na qual deveriam responder algumas questões, sem qualquer comentário. Ao escrever as questões na lousa, as reações foram diversas e, muitas, surpreendentes. Nesse momento, percebi o quão seria difícil para eles falarem de sentimentos, emoções, valores... Porém, muito compenetrados, responderam as questões e, alguns, faziam questão de escondê-las para que ninguém as visse. Fui anunciando que eu iria exibir um filme. Instalou-se a curiosidade... a animação... Nesse instante, o silêncio invadiu a sala. Todos ficaram inertes com os olhos fixos na tela. Fiquei bastante surpresa com o envolvimento deles. Exibido o filme, fizemos uma roda de conversa e iniciei uma discussão perguntando quem gostaria de fazer uma relação entre o filme e o tema. Nossa! Fiquei maravilhada com a maturidade dessa "criançada". Falaram sobre sentimentos, emoções, o que eles viviam e o que gostariam de viver, o que poderiam fazer para transformar uma situação... falaram de pessoas, da realidade, do mundo, da vida... Percebi, nesse exato momento do Projeto, que havia conseguido "acender uma chama" em cada um deles. Fiquei muito feliz! Com as próprias respostas dos alunos, criamos, em cada turma, a definição de Felicidade. Mas, foi na sala multimídia, o ápice do Projeto, quando apresentei o videoclipe "É preciso saber viver". Visivelmente, a Felicidade estava ali... Senti que, realmente, havia alcançado todos os meus objetivos, superando todas as minhas expectativas. Voltamos à sala e formamos pequenos grupos para ilustrarmos o Projeto em cartolina. Vamos colocar os desenhos no Mural do Colégio e vou postar alguns registros desse fantástico momento das nossas vidas no Portfólio de cada turma, em nosso site. Dessa forma, tenho certeza que "espalharemos" a Felicidade para muitas outras pessoas.